Você sabe o que é carvão ativado?

Boa noite leitores,

Você já ouviu falar de carvão ativado? Ele é um dos queridinhos das dietas da moda, você sabia? Mas será que seu consumo é realmente recomendado, ou ele é apenas outro produto que daqui um tempo será esquecido? Vamos falar sobre isso e responder estas questões. Se você tiver alguma pergunta que eu não comentei ou não deixei claro, é só me enviar, ok?!

O carvão ativado (diferente daquele carvão utilizado para churrasco e afins) já era descrito por diversos povos da antiguidade no combate à intoxicação, e pela sua capacidade na neutralização de venenos potencialmente letais ao organismo. Ele é obtido a partir da desidratação com queima controlada de matérias-primas vegetais, que podem ser várias, como milho, cana de açúcar, coco etc, e vendido em formato de cápsula ou pó.

Hoje, após estudos ele é usado como um aDsorvente, sim diferente de aBsorvente, de contaminantes orgânicos presentes na água e em alguns alimentos, tais como pesticidas e compostos causadores de gosto e odor, por exemplo. O carvão ativado aDsorve, ou seja, carrega com ele as substâncias tóxicas e diminui a quantidade disponível para aBsorção pelo sistema digestivo.

Também pode ser utilizado no caso de uma overdose acidental, ou proposital, de algumas drogas lícitas ou ilícitas, e como citei acima, pode ser usado em alguns casos de intoxicação alimentar, quando náuseas e diarreia estão presentes. Além disso, devido a sua porosidade e sua ampla composição mineral, ele tem a capacidade de eliminar metabólitos e toxinas, sendo um potente desintoxicante e auxiliando na redução da distensão abdominal e nos gases.

Mas, como sempre falo, não é tudo que se ouve por aí que é indicado pra você, por exemplo, pessoas com problemas gastrointestinais (gastrite, úlcera, refluxo, pancreatite etc); com desidratação crônica; que tenham feito cirurgia abdominal; com dificuldade em digerir os alimentos; que fazem uso regular de alguns tipos de medicamentos, não podem fazer o uso do carvão ativado. Caso ele seja utilizado de forma equivocada (auto prescrição) pode gerar sintomas como vômitos, diarreia, alteração na cor das fezes, prisão de ventre, desidratação, entre outros.

Assim, se você achou os benefícios do uso do carvão ativado interessantes, e acha que isso pode te ajudar de alguma forma, antes de tudo, fale com seu nutricionista e ele avaliará se realmente será adequado pra você, assim como a quantidade recomendada e a forma de uso.

Espero que tenham aprendido mais, até semana que vem!

Fonte: Westphalen, A.P.C.; Corção, G.; Benetti, A.D. Carvão ativado biológico. Eng Sanit Ambient | v.21 n.3 | jul/set 2016/ BRITO, Mylena Junqueira Pinto et al. Síntese de carvão ativado a partir do caroço do umbu e sua aplicação na adsorção de corantes orgânicos. Caderno de Ciências Agrárias, [S.l.], v. 7, n. 2, p. 56-61, nov. 2015/ Leizer Cordeiro da Silva Freitas, Silvia Messias Bueno. CARVÃO ATIVO: BREVE HISTÓRICO E ESTUDO DE SUA EFICIÊNCIA NA RETENÇÃO DE FÁRMACOS. UNILAGO, 2014.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s