Leite, qual tomar: integral, semi ou desnatado?

Boa noite leitores,

E após tantos modismos, tantas novidades no mercado, intolerância, alergia, quantidade de nutrientes, fonte de proteína, há uma dúvida que ainda paira no ar, qual tipo de leite devo tomar, qual devo dar aos meus filhos, integral, semi-desnatado ou desnatado?

De acordo com a Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição (SBAN), o leite e seus derivados merecem destaque por constituírem um grupo de alimentos de grande valor nutricional, uma vez que são fontes consideráveis de proteínas de alto valor biológico, além de conterem vitaminas e minerais. Os lácteos são considerados boas fontes alimentares de cálcio uma vez que possuem alto teor deste mineral com alta biodisponibilidade, ou seja, são melhores absorvidos do que os vegetais que contém cálcio por exemplo (mas que também devem ser consumidos, ok? Principalmente se sua única fonte de cálcio estiver nas hortaliças, veganos por exemplo).

Os tipos de leite que vou falar hoje, é devido a quantidade de gordura presente, e dentre eles qual o melhor escolher, pois além destes, existem outros vários que também podem encaixar para seu organismo.

  • Leite integral: é o leite que possui teor de gordura superior ou igual a 3% de seu conteúdo.
  • Leite semi-desnatado: que possui teor de gordura intermediário, ou seja, de 0,6 a 2,9%.
  • Leite desnatado: é aquele que possui teor de gorduras lácteas totais inferior a 0,5% de seu conteúdo.

Observando a tabela acima, podemos afirmar o contrário para o que muita gente ainda fala, que a concentração de cálcio nos leites semi e desnatados não são menores do que o leite integral, e muito menos em relação a quantidade de proteínas (que ficaram bem famosas por causa do ‘whey protein’, irei falar dele em um próximo post).

Reparem que, a quantidade de gordura, gordura saturada e colesterol abaixam, entre integral e semi-desnatado e semi-desnatado e desnatado. Este é o motivo do leite desnatado ser o mais indicado para o consumo frequente de adultos e crianças/adolescentes que necessitam reduzir a gordura da alimentação.

Claro que, você não vai do dia pra noite se acostumar com o gosto do leite desnatado se você sempre tomou o integral, por isso, o que sempre falo pros meus pacientes, isso (assim como a maioria das mudanças na alimentação) deve ser uma mudança gradual (isso se não tiver nenhum problema de saúde em jogo). 

Hoje, os preços de mercado destes três tipos de leite que falei não são variáveis como eram antigamente, por isso este não é mais um motivo para você não fazer a troca. Se você deseja/precisa emagrecer/perder gordura, e não tem nenhum problema de saúde que possa interferir, prefira os leites desnatados assim como todos os outros alimentos que possuem esta opção. 

Caso você tenha um filho/a menor de 12 anos, procure um nutricionista, para analisar o histórico de saúde e fazer a melhor recomendação.

Espero que tenham gostado, beijos!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s