Conheça melhor o ômega-3

Boa noite leitores,

Sei que a maioria das pessoas acham que uma grande parte do que um nutricionista fala (estou falando isso em meu nome) é em relação ao emagrecimento. Mas a Nutrição vai muito além disso, alimento é coisa séria, e pode te beneficiar e muito se consumido corretamente.

Hoje vou falar um pouco do famoso ômega-3 (w-3), na verdade, o que ficou famoso na mídia foi a sua suplementação através de cápsulas. Muitos não conhecem nem metade do que ele pode fazer por nós e onde podemos encontrá-lo de forma natural.

De acordo com um estudo publicado no Jornal Internacional de Nutrologia, o ômega-3 é uma classe essencial de ácidos graxos poli-insaturados, dita como gordura boa, os quais não podem ser sintetizados pelo organismo e assim precisamos consumi-los a partir da alimentação. As funções dos ácidos graxos no corpo são várias: prevenir doenças, inibir a vasoconstrição e agregação plaquetária, estimular a liberação de insulina, manter a integridade das células, participar do desenvolvimento normal da placenta e do crescimento fetal, do desenvolvimento neural e participação das funções imunológicas. 

 Um importante estudo da Revista Brasileira de Cancerologia, demonstrou que o consumo deste ácido graxo associado, a outros fatores, é bastante promissor em relação a prevenção e também a regressão e a melhora dos efeitos colaterais do câncer. Claro que depende do tipo, do tempo de administração da dieta, dos hábitos do indivíduo etc. 

A Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento também mostrou pesquisas em relação a um efeito protetor significativo sobre doenças cardiovasculares, pois o ômega-3 tem a capacidade de diminuir a pressão arterial, a produção de triglicérides, colesterol, diminuição de arritmias, e de respostas inflamatórias. Podendo assim auxiliar, além de todas as doenças acima, os praticantes de atividade física, pela sua ação antiinflamatória.

Pesquisas da Universidade Federal de São Paulo investigaram o consumo do ômega-3 em atletas, e mostraram que ele pode atenuar os efeitos do processo inflamatório no músculo lesionado e com isso a diminuição do tempo de recuperação dos atletas, além de beneficiar as respostas deles aos exercícios físicos de alta intensidade.

A suplementação de ômega-3 (assim como todos os outros tipos de suplementação) não são indicadas para todos, assim as fontes naturais dos nutrientes e seu consumo frequente é o mais adequado, e mesmo assim com quantidades ideais, porque não queremos gordura em excesso né?! A recomendação diária varia por pessoa, pois depende do Valor Energético Total adequado.

Podemos encontrar o w-3 em folhas verdes escuras, em sementes oleaginosas, azeite de oliva, abacate, na semente de linhaça e chia, soja e seus derivados; carne de aves e em peixes principalmente de águas frias (como a cavala, o arenque e o salmão).

A adequação do peso, as alterações nos hábitos alimentares, a redução da ingestão de gordura saturada e trans, como também o aumento no consumo de gorduras mono e poli-insaturadas, estão presentes em diversos estudos, e são consideradas medidas importantes para prevenir doenças. O mais imporante de tudo é sempre se preocupar com a quantidade e o tipo de gordura pois elas influenciam diretamente na saúde do nosso organismo, tanto positiva quanto negativamente. 

Espero que tenham gostado e aprendido mais sobre o mundo da Nutrição.

Beijos e até a próxima matéria!


3 comentários sobre “Conheça melhor o ômega-3

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s