Por que é tão difícil emagrecer?

Boa noite leitores,

E na semana do Dia do Nutricionista (31 de agosto) venho aqui para falar de uma pergunta que ouço muito e que muitos se culpam por não estarem conseguindo, por que é tão difícil emagrecer? O que não deve ocorrer, pois em muitos casos existem outros fatores que podem estar criando esta dificuldade.

De acordo com a Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica (ABESO) “Milhões de indivíduos estão envolvidos em programas de perda de peso, sem nenhuma comprovação de eficácia. São programas que tem finalidades apenas comerciais. Muitos, inclusive, com propostas que colocam em risco a saúde. São muitos os exageros. Adotar uma estratégia única na busca da redução de peso corporal, ou seja, uma dieta restritiva, radical, ou a prática compulsiva de exercícios. Ambas as condutas, sob o ponto de vista fisiológico, são inadequadas, contrariando o que a ciência recomenda.”

Assim, abaixo vou citar alguns fatores que interferem na perda de peso e que são importantes serem revistos para os resultados aparecerem:

• Dietas da Moda •

Já falei muitas vezes que qualquer tipo de alimentação que começa com a palavra ‘Dieta‘ não é correto, lembram?! Todas elas fazem você ter uma perda de peso rápida, mas não é uma perda real. Esta perda a curto prazo, é dada pela perda de água e massa magra, principalmente. Sendo que o mais importante e o que seria uma real perda, é da gordura, adequando assim a composição corporal.

Além disso, peso na balança é um valor muito variável, muda de balança para balança, muda dependendo do horário do dia, se foi pré ou pós alimentação, entre outros fatores. Por isso, o peso e o IMC (índice de massa corporal, que considera peso e altura) não são suficientes para uma avaliação nutricional. O certo é fazer uma avaliação completa com circunferências e pregas cutâneas.

• Metabolismo •

Uma avaliação nutricional deve ser individual e personalizada por diversos poréns. Um deles é o metabolismo, o qual varia de indivíduo para indivíduo, podendo ser potencializado ou minimizado de diferentes formas e assim, ajudando ou atrapalhando nas fases de mudanças corporais.

Hormônios e doenças hormonais associadas • 

Um dos motivos para se fazer exame de sangue é pela parte hormonal. Existem muitos casos de pessoas que não conseguem emagrecer e após realizar um exame de sangue, descobrem que possuem uma alteração hormonal, ou alguma doença específica que está criando esta barreira. Saibam que se descoberta essa dificuldade, podem ser feitos tratamentos para revertê-la.

• Genética •

A genética é um dos fatores que influencia na perda de peso. A maioria não sabe, mas antes mesmo de sermos concebidos, a alimentação dos nossos pais ao longo de suas vidas (sim, mães e pais também), tem interferência no nosso corpo e também das doenças que poderemos adquirir no futuro. Ela é uma das barreiras para o emagrecimento, mas que com hábitos adequados pode até ser anulada.

• Sono •

Dormir 8 horas por dia não é só uma frase clichê que todos falam. Existem motivos concretos dessas horas que foram estipuladas. É durante esse período que o corpo recupera as energias perdidas ao longo do dia e regula o metabolismo, os hormônios e outros índices importantes no desenvolvimento, estabilização corporal e a perda de peso. 

• Idade •

Com o passar dos anos, nosso corpo envelhece e começamos a reparar nas mudanças que vão acontecendo. Já sabemos que quanto mais a idade vai aumentando, nosso organismo muda, nosso metabolismo desacelera e a deposição de gordura fica maior, criando assim uma maior dificuldade em perder peso e adequar nossa composição corporal. 

Porém, não é por isso que devemos relaxar, muito pelo contrário, pois a probabilidade de doenças aparecerem também é maior, e assim os bons hábitos devem continuar firmes e fortes. 

• Estresse e fatores emocionais • 

Fatores emocionais, como estresse, ansiedade, depressão, baixa alto-estima, entre outros, contribuem para que seu organismo fique desregulado e assim crie uma dificuldade no processo da perda de peso. Além disso, geralmente, as pessoas jogam a culpa ou se sentem melhor com estes problemas comendo mais do que necessitam e na maioria das vezes alimentos mais calóricos e sem nutrientes. 

O estresse, e a correria do dia a dia também são um dos motivos que surgem, com isso muitos acabam pulando refeições, não se alimentando adequadamente e assim a perda de peso também fica prejudicada. 

• Força de vontade • 

Muitas vezes, uma pessoa começa a criar melhores hábitos, fazer algumas mudanças no cotidiano da alimentação, mas por algum destes problema que citei ‘demora’ para observar os resultados e desisti ou então continua com uma alimentação regrada nos dias da semana e chega o final de semana e relaxa, pensa ‘são só dois dias na semana, não vou fazer diferença’ mas não é assim, não adianta pensar assim.

 Não estou falando que não pode relaxar e comer o que esta com vontade nunca, mas um final de semana inteiro ingerindo tudo que você está afim, irá anular tudo o que você conseguiu nos outros dias. Força de vontade é tudo, e sem ela a adequação de peso fica mais complicada.

• Acompanhamento Nutricional • 

Uma das maiores dificuldades na perda de peso adequada, seja ela por estética ou por algum problema de saúde, são mudanças na alimentação sem acompanhamento de um nutricionista. O fato de seguir um cardápio pronto na internet nao vai te fazer emagrecer corretamente, pois não foi feito pra você. Um acompanhamento nutricional individualizado é fundamental!

• Acompanhamento Fisico •

Igualmente ao nutricional, o acompanhamento físico deve ser feito por um profissional. Não adianta pegar treino pronto na internet. O profissional da área irá acompanhar suas dificuldades e fazer adaptações para você, além de dizer qual é a frequência de treinos adequada. 

Não estou falando que você precisa estar matriculado em uma academia para emagrecer e nem que precisa de um Personal Trainer, estou dizendo que para treinos específicos de musculação ou de muito esforço físico, o adequado é ter sido recomendado por um profissional da área.

Com todos estes pontos revistos, tenho certeza que assim como todo mundo você também conseguirá perder peso, adequar sua composição corporal, mudando seus hábitos, tendo uma vida mais saudável e com mais disposição.

Espero que tenham aprendido e que eu tenha respondido esta dúvida frequente de muitos. Qualquer outra pergunta me escrevam.

Beijos e bom final de semana! 


2 comentários sobre “Por que é tão difícil emagrecer?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s