Dicas de como preparar uma lancheira saudável

Boa noite leitores!

Há muitos anos, o mundo conseguiu com que a desnutrição infantil fosse diminuída, porém hoje o problema se inverteu. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) a obesidade é um dos maiores problemas de saúde pública no mundo. A projeção é que em 2025, o número de crianças com sobrepeso e obesidade no mundo poderá chegar em 75 milhões, se nada for feito.

No Brasil, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) (2008/2009) cerca de 15% da população de crianças já estava no mínimo acima do peso. E cerca de 8 em cada 10, continua obesa na fase adulta. O grande problema está no tipo de alimento que a criança consome muito mais do que a quantidade, pois geralmente são os de alto valor calórico, que não possuem nutrientes e não trazem benefícios ao corpo.

O ideal é alterar a alimentação diária de toda família, os cuidados com a alimentação devem ser aplicados desde o início da vida. Não dê a criança produtos açúcarados e cheios de gordura. Se ela não tiver experimentado, não saberá esse gosto ‘atraente’ e não ficará pedindo (que é o que muitas mães e pais alegam).

Para o lanche na escola, os responsáveis devem ser bem organizados e criativos, pois a criança tem que se sentir atraída pelo lanche dela e não pelo do amigo, faça com que ela participe da preparação e monte opções divertidas e coloridas.

Lancheira adequada: o que deve conter

–  Um líquido

Sucos e chás naturais, sem açúcar de preferência (procure misturar frutas sempre com uma que seja mais doce naturalmente); leite (vitamina com frutas); água de coco.

– Uma fruta/legume

De preferência picadinhas, que podem ser consumidas com casca ou as com casca que podem ser removidas com facilidade (maçã, melancia, abacaxi, banana, tomate cereja, mini cenourinhas).

– Um carboidrato

Sanduiche (com pão integral, de preferência, recheado de patê de atum/frango desfiado, cenoura ralada, queijo, alface e tomate etc), bolo caseiro, cookies caseiros, granola, aveia.

– Uma proteína

Queijo (branco, ricota, cottage, mussarela de búfala, tofu), requeijão/cream cheese/creme de ricota (de preferência reduzidos em gordura), iogurte natural ou batido com frutas.

O que NÃO pode entrar na lancheira!!!

Salgadinhos de pacote, salgados fritos, refrigerante, suco de caixinha/pó, isotônico (gatorade), bala, bolacha recheada, bolinhos prontos, sucrilhos, chocolate, bebida láctea (yakult e danoninho), cachorro quente, hamburgueres e outros lanches pesados.

Sei o quanto a maioria das crianças são resistentes na hora da alimentação, porém se os responsáveis derem um exemplo adequado e procurarem fazer estas melhores escolhas para seus filhos, preparando refeições saudáveis e fazendo com que a criança participe na hora da preparação, a introdução destes ‘novos’ alimentos será muito mais fácil (claro que para papais e mamães que desde o início procuram dar os melhores alimentos para seus filhos essa fase de ‘introdução’ não existe, os quais estão de parabéns).

Espero muito que tenham gostado, este é um assunto inportantíssimo que precisa ser mudado.

Beijos e bom final de semana!

3 comentários em “Dicas de como preparar uma lancheira saudável

Deixe uma resposta para Leonor Gimenez Maluf Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s